Greve em aeroportos afeta 10 mil passageiros na Argentina

71 voos da Aerolíneas Argentinas e da Austral foram cancelados

Ao menos 71 voos foram cancelados.
Ao menos 71 voos foram cancelados. (foto: Ansa)
13:04, 08 NovBUENOS AIRES ZFD

(ANSA) - Uma greve organizada por sindicatos de tralhadores do setor aéreo causou o cancelamento de 71 voos das companhias Aerolíneas Argentinas e Austral, que afetou mais de 10 mil passageiros na Argentina.

O terminal mais afetado foi o Aeroparque Jorge Newbery, em Buenos Aires, utilizado predominantemente para voos de carga. O Aeroporto Internacional de Ezeiza, na periferia de Buenos Aires, também sofreu com a paralisação, assim como outros pequenos terminais no interior do país.

A greve foi convocada por sindicatos de pilotos, funcionários de terra, técnicos e afiliados da Associação de Funcionários Aeronáuticos do país. As entidades protestam contra o atraso de pagamentos de salários e o não-cumprimento de acordos firmados com a empresa.

"A Aerolíeas Argentinas reitera sua permanente vocação para o diálogo com seus trabalhadores. Sem embargo, as reclamações dos sindicatos não foram acompanhadas de uma proposta formal, o que impede a companhia de conversar sobre as diferenças que podem haver", disseram fontes da empresa ao portal de notícias argentino Infobae.(ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA