Justiça Federal condena 8 pessoas na Operação Hashtag

Brasileiros foram condenados a penas de 5 a 15 anos de prisão

Justiça Federal condena 8 pessoas na Operação Hashtag
Justiça Federal condena 8 pessoas na Operação Hashtag (foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
18:56, 04 MaiSÃO PAULO ZAR

(ANSA) - A Justiça Federal do Paraná condenou nesta quinta-feira, dia 4, oito homens que eram réus da Operação Hashtag, que investiga o envolvimento de brasileiros com organizações terroristas pouco tempo antes dos Jogos Rio 2016.

Segundo o juiz Marcos Josegrei da Silva, responsável pelo caso, os oito acusados estavam planejando realizar ao menos um atentado terrorista durante as Olimpíadas no país, o maior evento esportivo do planeta.

O brasileiro que teve a maior pena foi Leonid El Kadre de Melo, que foi condenado a 15 anos, 10 meses e cinco dias de prisão em regime fechado por recrutamento para organização terrorista, promoção de organização terrorista, corrupção de menores e associação criminosa.

Segundo a defesa do réu, Melo não teria sido o autor de postagens que incitavam atentados e nem teria recrutado militantes. 

Além disso, o advogado do brasileiro ainda disse que o processo sofreu abusos. Já os outros sete condenados desta quinta cumprirão penas entre cinco e seis anos, também em regime fechado. São eles, Alisson Luan de Oliveira, Fernando Pinheiro Cabral, Luis Gustavo de Oliveira, Israel Pedra Mesquita, Levi Ribeiro Fernandes de Jesus, Oziris Moris Lundi dos Santos Azevedo e Hortêncio Yoshitake. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA