Extradição de 'fantasma da Calábria' é prioridade, diz Dodge

Chefe da PGR se reuniu com procurador antimáfia italiano

Passaporte falso utilizado por Nicola Assisi
Passaporte falso utilizado por Nicola Assisi (foto: Reprodução/OCCRP)
18:19, 11 JulSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, afirmou nesta quarta-feira (10) que tem como prioridade a extradição de Nicola e Patrick Assisi, pai e filho acusados de ligação com a 'ndrangheta, um dos mais poderosos grupos mafiosos da Itália.

Dodge se reuniu em Brasília com o procurador nacional antimáfia e antiterrorismo da Itália, Federico Cafiero de Raho, para discutir o caso referente aos Assisi. Nicola e Patrick foram presos no dia 8 de julho, em Praia Grande (SP), na operação "Barão Invisível", coordenada pela Polícia Federal em Curitiba (PR).

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, Dodge e Raho também discutiram a formação de uma equipe bilateral para investigar infiltrações da 'ndrangheta no Brasil. Eles ainda assinaram um memorando de entendimento para cooperação entre o Ministério Público Federal (MPF) e o Departamento Antimáfia da Itália. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA