Governo da Bahia confirma rompimento de barragem

Água invadiu as cidades de Pedro Alexandre e Coronel João Sá

Vista aérea de Coronel João Sá, uma das cidades afetadas por queda de barragem
Vista aérea de Coronel João Sá, uma das cidades afetadas por queda de barragem (foto: EPA)
21:54, 12 JulSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - O governo da Bahia confirmou nesta sexta-feira (12) o rompimento da barragem do Quati, na cidade de Pedro Alexandre, nordeste do estado, ocorrido na última quinta (11).

Inicialmente, as autoridades haviam constatado o transbordamento do reservatório, com o surgimento de rachaduras nas laterais. No entanto, segundo nota do governo baiano, a pressão da água provocou o rompimento parcial da barragem.

A água invadiu Pedro Alexandre e a cidade vizinha de Coronel João Sá, desalojando cerca de 500 pessoas. Apesar disso, não há registro de mortos ou feridos.

Em entrevista à ANSA, um morador de Pedro Alexandre, o professor Ricardo Lima, disse que o "velho WhatsApp" ajudou a evitar que pessoas se ferissem. "Assim que a barragem transbordou, o pessoal viralizou a informação", afirmou. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA