Bolsonaro não confirma presença no Fórum Econômico em Davos

Presidente disse que poderá não ir por razões de segurança

Bolsonaro não confirma presença no Fórum Econômico em Davos
Bolsonaro não confirma presença no Fórum Econômico em Davos (foto: ANSA)
14:29, 07 JanSÃO PAULO ZRS

(ANSA) - O presidente da República, Jair Bolsonaro, revelou nesta segunda-feira (6) que poderá não participar neste mês do Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, por razões de segurança.

A declaração de Bolsonaro foi feita em Brasília, após uma reunião no Ministério de Minas e Energia para avaliar o impacto que a crise entre os Estados Unidos e o Irã terá no preço dos combustíveis.

"Existe a possibilidade de não ir. Não vou entrar em detalhes, eu já satisfiz a sua curiosidade.O mundo tem seus problemas, questão de segurança", disse o chefe de Estado brasileiro.

O presidente ainda comunicou que o Gabinete de Segurança Institucional (GSI), a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e a Polícia Federal (PF) estão monitorando a situação.

Bolsonaro também garantiu que sua viagem para a Índia, onde será o convidado especial das celebrações do Dia da República do país, celebrado em 26 de janeiro, está confirmada.

Realizada há quase 50 anos, o Fórum Econômico de 2020 será entre os dias 20 e 24 de janeiro, em Davos, e terá reuniões entre chefes de Estado, que discutirão sobre formas de promover cooperação econômica mundial.(ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA