Brasil vacina 1% da população em duas semanas

Mais de 2,1 milhões de doses foram aplicadas até o momento

Vacinação contra coronavírus em São Paulo, em 21 de janeiro
Vacinação contra coronavírus em São Paulo, em 21 de janeiro (foto: EPA)
12:11, 01 FevSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - Duas semanas após o início de sua campanha de imunização, o Brasil chegou à marca de 1% de sua população parcialmente vacinada contra o coronavírus Sars-CoV-2.

Segundo a plataforma Covid-19 no Brasil, que reúne dados das secretarias estaduais de Saúde, 2.102.086 pessoas já receberam a primeira dose das vacinas Coronavac (Sinovac/Butantan) e Covishield (Oxford/AstraZeneca/Instituto Serum da Índia).

O estado que mais aplicou doses em números proporcionais é Roraima (1,70% da população), seguido por Mato Grosso do Sul (1,59%), Rio Grande do Norte (1,47%), Rio Grande do Sul (1,47%) e Distrito Federal (1,45%).

Na outra ponta do ranking estão Tocantins (0,44%), Pará (0,50%), Amapá (0,56%), Acre (0,59%) e Mato Grosso (0,71%). Em termos absolutos, São Paulo, unidade mais populosa da federação, lidera a classificação, com 406.991 vacinados (0,88%).

A comunidade científica ainda não chegou a um consenso sobre a porcentagem da população que precisa ser vacinada para derrotar a pandemia, mas a maior parte das estimativas gira em torno de 70%.

No entanto, acelerar a imunização de grupos de risco deve reduzir internações e mortes e aliviar a sobrecarga nos hospitais. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA