Brasil supera 236 mil mortes pelo novo coronavírus

Grafite fazendo alusão ao novo coronavírus no Rio de Janeiro
Grafite fazendo alusão ao novo coronavírus no Rio de Janeiro (foto: EPA)
19:16, 11 FevSÃO PAULO ZCC

(ANSA) - O Brasil registrou nesta quinta-feira 1.351 novos óbitos em decorrência da Covid-19, elevando o número total de vítimas da doença no país para 236.201, informou o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) nesta quinta-feira (11).

Foram ainda notificados 54.742 novos casos, totalizando 9.713.909 os contágios confirmados desde o início da crise sanitária, em março do ano passado.

Com os números de hoje, a taxa de letalidade da Covid-19 se mantém em 2,4%, com uma taxa de mortalidade de 112,4 a cada 100 mil habitantes. O índice de incidência subiu para 4.622,4 a cada 100 mil moradores.

O estado de São Paulo é o que mais registra casos (1.889.969) e mortes (55.742) em números absolutos. Minas Gerais (793.157), Bahia (620.042), Santa Catarina (605.183) e Paraná (581.195) vêm na sequência na quantidade de contágios.

Quando analisados os números absolutos de mortes, a segunda colocação fica com o Rio de Janeiro, que tem 31.134 óbitos e a maior taxa de letalidade do país (5,7%). Na sequência, aparecem Minas Gerais (16.405) e Rio Grande do Sul (11.244).

Hoje, o ministro da Saúde, o general Eduardo Pazuello, classificou a nova onda da pandemia como "um momento muito difícil para nosso povo, nossos estados e para o mundo todo".

Atualmente, o Brasil é o segundo país com maior número de mortes por coronavírus em todo o mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, e o terceiro em casos, abaixo dos EUA e da Índia.

No total, existem 8.643.693 pessoas recuperadas da Covid-19 e 834.015 pacientes em acompanhamento médico, conforme dados do Ministério da Saúde. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA