Explosão de oleoduto deixa dezenas mortos e feridos no México

Até o momento, 21 pessoas morreram e mais de 70 estão feridas

Explosão de oleoduto deixa dezenas mortos e feridos no México
Explosão de oleoduto deixa dezenas mortos e feridos no México (foto: ANSA)
12:39, 19 JanCIDADE DO MÉXICO ZCC

(ANSA) - Pelo menos 66 pessoas morreram e 76 ficaram gravemente feridas após uma explosão seguida de incêndio em um oleoduto da cidade de Tlahuelilpan, no estado de Hidalgo, a cerca de 100km ao norte da Cidade do México.
    A tragédia ocorrida nesta sexta-feira (18) foi atribuída a uma sabotagem de grupos criminosos que roubam combustíveis na cidade para vender clandestinamente, informou a companhia mexicana de petróleo Pemex. O governador de Hidalgo, Omar Fayad, assegurou via Twitter que "todas as medidas necessárias estão sendo tomadas para ajudar os feridos e suas famílias".
    O Departamento de Saúde do governo da Cidade do México também informou ter declarado estado de emergência do setor hospitalar para receber os feridos. O presidente mexicano, Andrés Manuel Lopez Obrador, por sua vez, lamentou "a grave situação sofrida pelos habitantes de Tlahuelilpan".
    O acidente ocorreu no final da tarde de ontem, quando dezenas de pessoas aproveitavam o vazamento no local para transportar o combustível em baldes e vasilhas. A maioria das vítimas são moradores da região. Ainda existe o temor que haja mais corpos carbonizados no local. Segundo o prefeito do município, Juan Pedro Cruz, o vazamento teve início às 17h (horário local). Na ocasião, militares do Exército isolaram a área, mas não conseguiram controlar a multidão que invadiu o local e pegou combustível.
    Imagens na televisão local mostraram grandes chamas e pessoas no local com queimaduras graves.
    O roubo de combustível é desenfreado em algumas comunidades mexicanas. O governo disse que a prática já custou ao país cerca de US$ 3 bilhões no ano passado. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA