Kuczynski toma posse no Peru pedindo união

Economista não tem maioria no Congresso peruano

Kuczynski toma posse no Peru pedindo união (foto: EPA)
20:29, 28 JulLIMA ZSG

(ANSA) - O economista Pedro Pablo Kuczynski assumiu a Presidência do Peru nesta quinta-feira, dia 28, em cerimônia realizada no Congresso, em Lima.
   
Sem maioria no Parlamento, PPK, como é conhecido, pediu a união do país. "Sim à paz e à união, não ao enfrentamento e à divisão", disse em seu primeiro pronunciamento como novo líder peruano.
   
No Congresso peruano, onde o sistema é unicameral, a bancada comandada pela filha do ex-presidente Alberto Fujimori, Keiko, tem maioria absoluta.
   
A situação do economista é complicada, se levar em conta que ele derrotou Keiko por uma margem pequena de votos nas urnas. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA