Comerciantes protestam contra fim de feira de Natal de Paris

Prefeitura suspendeu evento que ocorre na Champs-Élyseés

Mercado de Natal na avenida Champs-Élyseés não será realizado em 2017 [foto de arquivo] (foto: EPA)
21:16, 08 NovPARIS ZGT

(ANSA) - A decisão da Prefeitura de Paris de encerrar o Mercado de Natal na avenida Champs-Élysées gerou uma série de protestos nos últimos dias na "cidade luz".

Comerciantes alegam que terão altos prejuízos por conta da não realização do evento e chegaram a bloquear as estradas que levam à capital da França durante o fim de semana.

A decisão do Gabinete da prefeita Anne Hidalgo e de diversos líderes políticos da capital não tem a ver com o temor de ataques terroristas, que atingiram Paris nos últimos dois anos, mas sim com a "qualidade medíocre das animações e dos produtos vendidos na feira".

A ideia é criar eventos "mais atrativos" durante esta época do ano. De acordo com o jornal "Le Parisien", a não realização do Mercado de Natal afetará cerca de 240 comerciantes e cortará dois mil postos de trabalho. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en