Mostra em Roma apresenta um Picasso pouco conhecido

Exposição de esculturas do artista começa nesta quarta

Mostra em Roma apresenta um Picasso pouco conhecido
Mostra em Roma apresenta um Picasso pouco conhecido (foto: ANSA)
13:00, 24 OutROMA ZLR

(ANSA) - Rostos e corpos femininos, animais, figuras abstratas, fragmentos e objetos, em uma contínua desconstrução que traduz um pensamento revolucionário.

Apresentando um Pablo Picasso pouco conhecido, a Galleria Borghese, em Roma, recebe a partir desta quarta-feira (24) mais de 50 trabalhos realizados pelo gênio espanhol entre 1905 e 1964.

Com o nome "Picasso. A escultura", a mostra vai até 3 de fevereiro e é a primeira na Itália dedicada a esse aspecto da produção do artista, ressaltando seu espírito inovador, com o uso de materiais diversos, como madeira, cerâmica e bronze.

Inspirado pelas mulheres que amou, Picasso supera a linguagem tradicional da escultura. Suas reflexões, transtornos e evoluções são claramente visíveis em "Cabeza Femenina" (1909), a primeira escultura cubista e concebida para ser observada de diferentes pontos de vista, superando a convencional visão frontal.

O espanhol se abriu à abstração mesmo através da escultura, além de ter estabelecido forte relação com o passado, desde a arte clássica até a africana. Grande parte do fascínio da mostra se concentra no contraste entre a revolução de Picasso e as obras da Galleria Borghese, que vão desde a antiguidade até a Idade Moderna.

"Picasso criou um diálogo físico direto com a arte antiga, a devorou e reconstruiu, a transformando em outra coisa. Agregou então a ironia, o que rompe com a retórica da escultura clássica", explicou à ANSA Anna Coliva, curadora da exposição e diretora do museu romano. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA