'O nome da rosa' ganha edição com desenhos de Umberto Eco

Esboços inéditos foram feitos na preparação para o romance

Umberto Eco morreu em 2016 e foi um dos mais importantes escritores italianos
Umberto Eco morreu em 2016 e foi um dos mais importantes escritores italianos (foto: ANSA)
11:36, 20 MaiROMA ZLR

(ANSA) - Uma nova edição de "O nome da rosa" com desenhos preparatórios inéditos de Umberto Eco (1932-2016) chega às livrarias italianas nesta quinta-feira (21), em comemoração pelos 40 anos de lançamento da obra.

Os desenhos foram feitos por Eco antes de ele escrever aquele que seria seu maior best-seller, que vendeu mais de 50 milhões de cópias no mundo todo e inspirou adaptações para o cinema e para a TV.

A nova versão, lançada pela editora La Nave di Teseo, mostra esboços de objetos, ambientes, roupas e personagens relativos a "O nome da rosa". "A edição dá conta do pensamento e do estudo que estão por trás da construção de um grande romance", disse à ANSA a cineasta Elisabetta Sgarbi, que fundou a Nave di Teseo com Eco e outros intelectuais em 2015.

"O nome da rosa" retrata uma comunidade de monges chacoalhada por uma série de delitos e um frade franciscano que investiga os mistérios de uma biblioteca inacessível.

"Antes de escrever 'O nome da rosa', Umberto Eco havia feito alguns esboços. Imaginava os personagens, como seria a abadia, a biblioteca. É uma documentação visual de sua maneira de trabalhar", acrescenta Mario Andreose, presidente da editora.

Os desenhos datam do biênio 1976-77, e Eco começou a escrever sua obra-prima em 1978. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA