2018: o ano em que o jovem Mbappé brilhou

Francês foi um dos destaques da Copa e dos torneios nacionais

Paris Saint Germain press conference
Paris Saint Germain press conference (foto: EPA)
12:50, 26 DezSÃO PAULO Por Renan Tanandone

(ANSA) - Com apenas 20 anos, o atacante Kylian Mbappé foi um dos grandes destaques de 2018. O jovem jogador foi um dos principais nomes do Paris Saint-Germain (PSG), ao lado de Neymar, e conquistou a Copa do Mundo, na Rússia, com a seleção da França.
    Vestindo a camisa do PSG, em 2018, Mbappé levou o Campeonato Francês com muita folga sobre o segundo colocado Monaco; a Copa da França, sobre o modesto Les Herbiers; e a Copa da Liga Francesa, deixando novamente o time monegasco na vice-posição.
    Além disso, com a equipe parisiense, Mbappé esteve entre os destaques do Campeonato Francês. Na última temporada, o jovem atacante terminou com 21 gols em 44 jogos disputados.
    Já na atual temporada, Mbappé está sendo um dos principais nomes do PSG. Além de ser por enquanto o artilheiro da Ligue 1, com 12 gols, o atacante vem auxiliando sua equipe a liderar o Campeonato Francês, com atualmente quase 15 pontos de distância do segundo colocado Lille.
    No entanto, o que marcou o ano de 2018 do francês foi a Copa do Mundo. Mbappé terminou o Mundial com quatro gols em sete partidas disputadas, incluindo um na final diante da Croácia. O tento fez com que o atacante se tornasse o segundo jogador com menos de 20 anos a marcar um gol em uma final de Mundial. Antes dele, somente Pelé havia conseguido registrar o feito.
    Além disso, na estreia da Copa, diante da Austrália, Mbappé tornou-se o jogador francês mais jovem a disputar uma partida de Mundial pela seleção francesa. Na época com 19 anos, o atacante superou Bruno Bellone, que atuou aos 20 anos na Copa de 1982, na Espanha.
    Mbappé também foi providencial na vitória por 1 a 0 diante do Peru. Além disso, esteve em campo no empate sem gols diante da Dinamarca. Nas oitavas de finais, foi o grande nome da França na dura vitória sobre a Argentina, por 4 a 3, anotando dois gols importantes no confronto. O jovem jogador ainda conquistou o prêmio de melhor jogador do confronto.
    Já nas quartas de finais diante do Uruguai e nas semifinais contra a Bélgica, Mbappé passou em branco, mas esteve presente nas vitórias da França por 2 a 0 e 1 a 0, respectivamente. O jovem atacante voltou a balançar as redes somente na final, diante da Croácia, na vitória por 4 a 2. Com o título da Copa do Mundo e sendo um dos principais nomes da conquista do bicampeonato mundial francês, Mbappé foi eleito o melhor jogador jovem da Copa, além de ter ficado na quarta posição do prêmio Bola de Ouro, entregue pela revista "France Football". (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en