Ator que acusa Asia Argento reafirma denúncia na TV

"Ela me violou", declarou Jimmy Bennett

Ator que acusa Asia Argento reafirma denúncia na TV
Ator que acusa Asia Argento reafirma denúncia na TV (foto: ANSA)
10:56, 24 SetROMA ZLR

(ANSA) - O ator norte-americano Jimmy Bennett, que acusa a atriz Asia Argento de abuso sexual, confirmou suas declarações neste domingo (23), em entrevista exclusiva à rede de televisão italiana "La7". "Ela me violou, e foi uma relação completa", disparou o jovem.

No programa, o ator reiterou sua versão dos fatos e disse que a italiana abusou de seu poder. "Para mim, Asia é igual a Weinstein", afirmou. Harvey Weinstein é um ex-produtor de Hollywood acusado de violência sexual por dezenas de mulheres, entre as quais a própria Argento, e das denúncias contra ele surgiu o movimento "Me Too", contra o assédio sexual.

Bennett, de 22 anos, deu suas declarações ao lado de seu advogado, Gordon Satro. O ator tinha 17 anos na época do suposto abuso, que teria ocorrido em 2013, na Califórnia, e a atriz tinha 37.

"Ela apoiou suas mãos sobre meu corpo de diferentes maneiras, logo me empurrou sobre a cama, tirou meu cinto e minhas calças", contou Bennett, que pretendia "tirar o véu de hipocrisia de Asia". Os dois atuaram juntos em 2004, no segundo filme de Argento como diretora, "Maldito Coração", em que Bennett interpreta o filho da italiana.

Segundo o ator, depois desse filme eles mantiveram contato por correio eletrônico e mensagens de celular, mas sem nenhum encontro direto por quase 10 anos. Eles se reencontraram somente em 2013, quando Argento propôs através do Twitter uma reunião sobre um filme italiano do qual queria que ele participasse.

O caso estourou quando o jornal norte-americano "The New York Times" revelou que Argento teria dado US$ 380 mil para que Bennett não entrasse com uma ação judicial contra ela. A atriz explicou que seu então companheiro, Anthony Bourdain, que cometeu suicídio em junho deste ano, decidiu pagar a quantia para proteger sua privacidade e evitar o escândalo, mesmo não acreditando nas acusações.

Entre revelações, vídeos, mensagens, selfies e denúncias, tudo aponta que essa história ainda não chegou ao fim. O apresentador do programa, Massimo Giletti, disse que convidou Argento para expressar sua opinião e que talvez ela vá à TV. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA