Fortes chuvas matam mais de 100 pessoas no sul da Colômbia

Ao menos 117 pessoas morreram em deslizamento de terra

Fortes chuvas matam mais de 100 pessoas no sul da Colômbia (foto: EPA)
14:21, 02 AbrSÃO PAULO ZAR

(ANSA) - Ao menos 127 pessoas morreram e outras 400 ficaram feridas em um deslizamento de terra que ocorreu na noite desta sexta-feira (31) em Mocoa, no sul da Colômbia, segundo a Cruz Vermelha.

Fortes chuvas estão atingindo a capital do departamento de Putumayo nas últimas horas, segundo a instituição, que afirmou que ao menos 220 pessoas ainda estão desaparecidas.

Com as chuvas intensas, os rios da cidade transbordaram, alagando bairros inteiros, destruindo casas e levando muita lama para as moradias.

O presidente do país, Juan Manuel Santos, ordenou neste sábado (1) que as forças armadas intervenham na região para responder à emergência.

Já o governador da região mais atingida pelo mau tempo, Sorrel Aroca, disse que quarteirões inteiros estão debaixo da água.

O prefeito de Mocoa, José Antonio Castro, ressaltou que sua cidade está "totalmente isolada", sem eletricidade e água.

O mês de março passado foi o que mais choveu na região desde 2011, segundo a agência meteorológica local. Putumayo se encontra perto da fronteira com o Equador e o Peru. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en
Advertisement