Trump cogita ficar no Acordo de Paris sobre o clima

Presidente anunciou rompimento com o tratado em junho de 2017

Trump cogita ficar no Acordo de Paris sobre o clima
Trump cogita ficar no Acordo de Paris sobre o clima (foto: ANSA)
21:09, 10 JanWASHINGTON ZLR

(ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta quarta-feira (10) que não exclui a hipótese de permanecer no Acordo de Paris sobre o clima.

A declaração foi dada durante uma coletiva de imprensa conjunta com Erna Solberg, primeira-ministra da Noruega, país bastante envolvido com causas ambientais - Oslo é a maior doadora do Fundo Amazônia, instituído pelo Brasil em 2008.

"O Acordo de Paris que assinamos era muito injusto para os Estados Unidos, mas, em teoria, podemos voltar", afirmou Trump, sem dar mais detalhes. A saída dos EUA do Acordo de Paris foi anunciada em 1º de junho de 2017, mas a retirada só pode acontecer daqui a três anos.

Segundo o artigo 28 do tratado, um país signatário pode notificar as Nações Unidas sobre a intenção de abandoná-lo apenas depois de três anos de sua entrada em vigor, o que ocorreu em 4 de novembro de 2016.

Ou seja, Trump terá de esperar até o mesmo dia de 2019 para comunicar as Nações Unidas sobre a retirada. A partir da notificação, a saída só terá efeito depois de 12 meses. Se o rompimento se confirmar, os EUA serão o único país fora do tratado. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA