Doleiro acusa PT de pedir dinheiro para campanha de Dilma

Youssef diz que emissário queria quantia milionária do exterior

Alberto Youssef afirmou que emissário do PT pediu quantia milionária
Alberto Youssef afirmou que emissário do PT pediu quantia milionária (foto: VAGNER ROSARIO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)
14:49, 03 JulSÃO PAULO ZGT

(ANSA) - O doleiro Alberto Youssef contou à Justiça que um emissário do Partido dos Trabalhadores (PT) tentou trazer entre R$ 5 milhões e R$ 20 milhões de contas do exterior para financiar a campanha da então candidata à reeleição Dilma Rousseff.

 

Segundo o jornal "Folha de São Paulo", ele não identifica corretamente quem seria o homem, a quem chama de Felipe, e disse que após um primeiro contato não houve mais nenhuma comunicação. Youssef ainda explicou que a transação nunca foi concluída.

 

A conversa teria ocorrido dois meses antes dele ser preso pela Operação Lava Jato e o emissário não teria dado detalhes de onde estaria esse dinheiro.

 

O interrogatório à Justiça Federal foi dado por causa de uma ação movida pelo PSDB logo após a derrota nas urnas, no pleito de 2014, onde o partido acusa Dilma de abuso de poder econômico. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA