Estrela mais antiga do universo é encontrada

Cinetistas encontram corpo celeste formado há 13,6 bi de anos

Cientistas descobrem estrela mais velha do universo
Cientistas descobrem estrela mais velha do universo (foto: EPA)
16:53, 10 FevSYDNEY EBA

(ANSA) - Uma equipe de pesquisadores liderada por astrônomos australianos encontrou a mais velha estrela já conhecida no universo, formada há 13,6 bilhões de anos.
    Uma descoberta que permitiu pela primeira vez aos cientistas estudar a composição química das primeiras estrelas, e que leva a repensar a evolução do universo. A equipe de pesquisadores, dirigida por Stefan Keller da Universidade Nacional Australiana com o físico Brian Schmidt, prêmio Nobel 2011 pela descoberta da aceleração do universo, usou um telescópio óptico Sky Mapper e Siding Spring no Coonabarabran, em Sydney, para individuarem a estrela a 6 mil anos luz de distância.
    O trabalho, publicado na revista Nature, oferece conhecimentos sobre a formação dos elementos pesados cuja criação depois formou os planetas rochosos, ao menos um dos quais, o nosso, deu origem à vida.
    A estrela faz parte da segunda geração formada a 100 milhões de anos depois do Big Bang, que assinalou o nascimento do cosmo há 13,7 bilhões de anos.
    Em termos astronômicos a estrela está próxima a nossa galáxia, a Via Láctea, e é uma entre as 60 milhões de estrelas fotografadas pela enorme foto-câmara digital do Sky Mapper.(ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA