Alemã Lufthansa apresenta proposta pela Alitalia

Contudo, a oferta diz respeito a apenas alguns ativos da empresa

Alemã Lufthansa apresenta proposta pela Alitalia (foto: ANSA)
15:15, 16 OutROMA ZLR

(ANSA) - A companhia aérea alemã Lufthansa apresentou nesta segunda-feira (16) uma oferta pela Alitalia, que está sob intervenção do governo italiano e foi colocada à venda. 

Segundo um comunicado da maior empresa de aviação civil da Alemanha, seu objetivo é criar uma "nova Alitalia", comprando apenas parte de seus ativos, como as rotas europeias "ponto a ponto", ou seja, sem necessidade de conexões.

"A oferta compreende uma proposta por uma nova estrutura da Alitalia, com um modelo de negócios focalizado que poderia dar origem a perspectivas econômicas de longo prazo", diz a nota da Lufthansa, na qual ela explica que não tem interesse em adquirir a companhia italiana inteira.

A confirmação da oferta chega no último dia de prazo para a apresentação de propostas vinculantes pela Alitalia, última etapa de seu processo de venda. O objetivo do governo é ceder a empresa em sua totalidade, mas ainda não se sabe se chegará alguma oferta que atenda a essa expectativa.

Entre os grupos que haviam demonstrado interesse pela companhia estavam British Airways e EasyJet, além da Lufthansa. A Ryanair também chegou a se manifestar, mas a crise de cancelamento de voos na empresa irlandesa a tirou da disputa.

Turbulência

A crise na Alitalia se agravou após seus funcionários terem rejeitado um plano de demissões de 1 mil pessoas, requisito obrigatório para os acionistas aumentarem o capital da companhia aérea em 2 bilhões de euros.

Com isso, a empresa se viu na perspectiva de ficar sem liquidez e pediu a intervenção do governo. Se não encontrar um comprador, a Itália terá dois caminhos: tentar sanar a Alitalia e mantê-la em sua configuração societária atual ou decretar sua falência.
 

Ex-companhia aérea de bandeira, a empresa foi privatizada e é controlada atualmente pela holding Compagnia Aerea Italiana (CAI), que detém 51% de seu capital, e pela Etihad Airways, dona dos 49% restantes.

A segunda principal acionista da CAI é a estatal de correios Poste Italiane, com quase 19,48% de participação na holding. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA