Italiana Protom compra empresa brasileira em SP

Grupo adquiriu Ambra Solutions, com sede em São José dos Campos

Ambra Solutions fica no polo aeroespacial de São José dos Campos
Ambra Solutions fica no polo aeroespacial de São José dos Campos (foto: Reprodução/Ambra Solutions)
14:05, 05 SetSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - O grupo italiano de engenharia avançada e tecnologia da informação Protom comprou a empresa brasileira Ambra Solutions, que oferece soluções para os setores aeroespacial e automotivo e tem sede em São José dos Campos (SP).

A operação contou com financiamento da Simest, que, junto com a Sace, constitui o polo de exportação e internacionalização do Grupo Cassa Depositi e Prestiti (CDP), controlado pelo governo da Itália. O apoio também permitiu à Protom abrir uma sede comercial no Brasil.

"O Brasil é um país com potencial altíssimo, em forte recuperação, após anos de crises e instabilidade econômica", declarou o presidente da Protom, Fabio De Felice, acrescentando que o polo aeroespacial de São José dos Campos é "reconhecido em nível global".

"Posicionar-se aqui é, para a Protom, um objetivo de forte valor estratégico", declarou. Segundo o gerente da empresa no Brasil, Giuliano Di Paola, a Ambra atraiu atenção devido à "compatibilidade de seus serviços com o know-how" oferecido pelo grupo italiano.

"Um benefício duplo surgirá desta união: a Protom poderá entrar em contato com os clientes históricos da Ambra, empresas de grande importância no mundo da engenharia de transportes, como Embraer, Mercedes, Avibras, Safran e UTC-Goodrich; ao mesmo tempo, as novas e amplas competências introduzidas pela Protom possibilitarão ampliar a oferta e aproveitar as oportunidades de um mercado em forte recuperação como o brasileiro", disse.

Os negócios atuais do grupo italiano são baseados em duas linhas técnicas: tecnologia da informação voltada para a realização de projetos, produtos e serviços com alto valor agregado no campo da transformação digital, e engenharia avançada no segmento de transportes. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA