Brasil e UE assinam cooperação em gestão de serviços

Objetivo é gerar propostas para a administração pública

Parceria é focada em resultados e visa a reduzir a burocracia.
Parceria é focada em resultados e visa a reduzir a burocracia. (foto: EPA)
17:24, 01 NovBRASÍLIA ZFD

(ANSA) - O Ministério do Planejamento brasileiro assinou nesta terça-feira (30) uma carta de compromisso com o "Eurosocial+", programa de cooperação entre a América Latina e a União Europeia que busca contribuir para a coesão social dos países latino-americanos.

Objetivo é gerar propostas para a gestão compartilhada de serviços públicos, em parceria com organizações sociais. "Essa parceria com a União Europeia irá contribuir para tornar o Estado mais eficiente", disse o secretário de gestão do Ministério do Planejamento, Antonio Paulo Vogel.

O modelo busca fomentar alianças estratégicas para viabilizar maior eficiência e menos burocracia na prestação de serviços públicos, focado em resultados. A parceria irá incentivar a implementação de alianças entre entidades privadas sem fins lucrativos e o poder público para gestão compartilhada de serviços públicos.

O programa de cooperação com a União Europeia será por meio de estudos, missões técnicas e contratação de consultores com a finalidade de gerar propostas para o aperfeiçoamento da política pública. Também serão elaborados relatórios, guias e manuais para a implementação de políticas públicas, incluindo experiências e boas práticas, e modelo de treinamento para o público-alvo como supervisores, gestores de entidades, participantes dos conselhos gestores e avaliadores de contratos de gestão.

"O modelo trazido está em consonância com reflexões de países da União Europeia sobre gestão compartilhada. As agências de cooperação de Estados-membros irão gerenciar os recursos para que sejam concretizadas as trocas de boas práticas e experiências em políticas públicas que são prioritárias" complementou o ministro conselheiro e chefe de cooperação da delegação da União Europeia no Brasil, Thierry Dudermel. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA