EUA têm maior taxa de desemprego desde a Grande Depressão

País perdeu 20 milhões de postos de trabalho em apenas um mês

Sede da Bolsa de Valores de Nova York, nos EUA
Sede da Bolsa de Valores de Nova York, nos EUA (foto: AFP)
11:50, 08 MaiNOVA YORK ZLR

(ANSA) - A taxa de desemprego nos Estados Unidos atingiu no mês de abril o índice mais alto desde a Grande Depressão, ocorrida entre o fim da década de 1920 e o início dos anos 1930.

Devido à pandemia do novo coronavírus, a taxa de desocupação no país chegou a 14,7%, com 20,5 milhões de postos de trabalho perdidos em apenas um mês, recorde desde o início das medições, em 1939.

Durante a crise de 2008 e 2009, o desemprego chegou a 10%. Estima-se que, na Grande Depressão, a taxa tenha atingido 25%. Apesar disso, o índice de abril é um pouco melhor do que as projeções do mercado, que esperava 16%. Em março, a desocupação foi de 4,4%. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA