Vettel diz que não se arrepende de ter ido para Ferrari

Alemão admitiu que falhou em tentar conquistar um campeonato

Vettel está na Ferrari desde 2015 e conseguiu dois vice-campeonatos na equipe
Vettel está na Ferrari desde 2015 e conseguiu dois vice-campeonatos na equipe (foto: Ansa)
12:52, 23 JulROMA ZRS

(ANSA) - O piloto Sebastian Vettel, da Ferrari, afirmou nesta quarta-feira (22) que não possui nenhum arrependimento de ter ido para a escuderia italiana. O alemão, no entanto, admitiu que falhou em sua tentativa de repetir os passos do compatriota Michael Schumacher na equipe.

"A Ferrari sempre foi um sonho meu, inspirado maciçamente na minha infância, por Michael Schumacher no carro vermelho. Eu fui inspirado por ele e ainda sou, porque acho que ele é o melhor que já existiu. Eu esperava tirar alguns campeonatos de Lewis [Hamilton] para que o recorde de Michael permanecesse um pouco mais; ,mas agora estamos um pouco longe para tentar bloqueá-lo", disse Vettel.

"Penso que, olhando para trás, minha missão era vencer um campeonato e não fiz isso. Então, nesse ponto de vista, falhei. Mas ainda assim, tive anos muito bons, alguns destaques e outras boas corridas. Então, não me arrependo", declarou o piloto.

Após o tetracampeonato (2010 a 2013) na Red Bull Racing, Vettel foi contratado pela Ferrari em 2015 e conseguiu conquistar dois vice-campeonatos (2017 e 2018). Entretanto, o piloto recebeu no início da atual temporada a notícia que seria dispensado do time no final de 2020.

O alemão destacou que não aprovou a forma que a Ferrari usou para comunicar a sua saída, mas afirmou que tentará dar o seu melhor para a equipe nesta temporada.

"Acho que a decisão é a decisão. Sou profissional nesse sentido e tenho que aceitar qualquer decisão. Você sabe, do jeito que foi, poderia ter sido, talvez, um pouco diferente, mas é o que é e, seja qual for o meu sentimento, devo-lhes respeito e vou dar tudo o que posso e tentar dar a melhor temporada, apesar da situação difícil", comentou o alemão.

Com a sua saída da Ferrari já confirmada, Vettel vem sendo cogitado em outras equipes da F1, como a Racing Point, que a partir da próxima temporada será a Aston Martin. Uma possível aposentadoria também não está descartada entre as possibilidades do alemão.

Na atual temporada, Vettel é o 10º colocado, com nove pontos conquistados. Em três Grandes Prêmios já disputados, o melhor resultado do tetracampeão foi um sexto lugar na Hungria. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA