Roma inicia campanha de ajuda a refugiados

Clube giallorosso vai doar 575 mil euros para combater crise

Roma convidou todos os clubes do mundo a participarem de projeto humanitário
Roma convidou todos os clubes do mundo a participarem de projeto humanitário (foto: ANSA)
20:27, 11 SetROMA ZLR

(ANSA) - A Roma vai doar 575 mil euros para ajudar a combater a crescente crise mundial de refugiados, que nos últimos meses tem atingido em cheio a Europa.
    A iniciativa faz parte do "Football Cares", um projeto iniciado pelo clube giallorosso com o objetivo de recolher fundos para a causa. Dos 575 mil euros, 250 mil serão doados pelo presidente romanista, James Pallotta; 250 mil, pela própria agremiação; e os 75 mil restantes, por investidores.
    Clubes como Fiorentina, Bologna e Torino, além da Lega Calcio Serie A, que gere a primeira divisão do futebol italiano, já anunciaram sua adesão ao projeto. "Football Cares é uma iniciativa que iniciamos há seis ou sete dias. Percebemos que, se conseguirmos reunir os apaixonados por futebol pelo mundo, criaremos uma incrível rede de pessoas unidas pelo objetivo de enfrentar a crise de refugiados", declarou Pallotta.
    O convite para participar do programa foi feito a todos os times e torcedores do mundo. Os recursos serão destinados a entidades que atuam diretamente na emergência, como o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur), a Cruz Vermelha, o Comitê Internacional de Resgate e a ONG Save The Children. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en