Jogadores da Série B da Itália são agredidos na porta de casa

Goleiro e meio-campista do Ascoli foram atacados por 10 pessoas

Torcida do Ascoli, clube da Série B da Itália
Torcida do Ascoli, clube da Série B da Itália (foto: Reprodução/Twitter)
13:22, 11 MarASCOLI PICENO ZLR

(ANSA) - Dois jogadores do Ascoli, lanterna da segunda divisão do futebol italiano, foram agredidos na madrugada deste domingo (11) por um grupo de 10 pessoas, após mais uma derrota da equipe, a 16ª em 30 jogos na Série B.

Enquanto chegava em sua casa, no centro histórico de Ascoli Piceno, na região de Marcas, o meio-campista Samuele Parlati quase levou um soco no rosto, mas conseguiu se esquivar e foi ao chão com o agressor.

O goleiro Vincenzo Venditti, que estava junto com Parlati, correu para ajudá-lo, mas levou um tapa de outro torcedor. O grupo ainda proferiu ameaças contra os dois jogadores e o restante da equipe - todos os agressores estavam com os rostos cobertos por cachecóis do Ascoli.

Venditti ainda não fez nenhuma partida na atual temporada, enquanto Parlati disputou apenas um jogo. A equipe vem de derrota fora de casa para o Venezia por 1 a 0 e ocupa a 22ª e última posição na Série B, com 26 pontos. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA