Árbitro italiano volta a causar polêmica em jogo do Brasil

Rocchi não usou o VAR no pisão de Layún em Neymar

Árbitro italiano volta a causar polêmica em jogo do Brasil
Árbitro italiano volta a causar polêmica em jogo do Brasil (foto: EPA)
14:33, 02 JulSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - A seleção da Itália não se classificou para a Copa do Mundo de 2018, mas o árbitro que está representando o país da bota na Rússia, Gianluca Rocchi, causou polêmica mais uma vez nesta segunda-feira (2), na vitória do Brasil por 2 a 0 diante do México.

Na partida, Rocchi irritou os brasileiros ao não usar o árbitro assistente de vídeo (VAR) para verificar o pisão que Neymar levou do lateral Miguel Layún, aos 26 minutos do segundo tempo. Além de não ter revisto o lance, o italiano optou por não dar cartão ao jogador mexicano.

Além disso, Rocchi esteve no caminho do Brasil no jogo contra a Suíça. Na ocasião, ele trabalhou na equipe do VAR e não viu a suposta falta em Miranda no gol de empate da equipe suíça, anotado por Steven Zuber.

Rocchi também foi protagonista em um lance com Neymar na última Liga dos Campeões. Nas oitavas de final da competição, no duelo entre PSG e Real Madrid, o brasileiro acertou uma bolada no rosto do árbitro italiano.

Nesta Copa do Mundo, Rocchi, de 44 anos, também apitou a partida entre Senegal e Japão, que terminou em 2 a 2, e o empate por 3 a 3 entre Portugal e Espanha. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA