Sem Neymar, Fifa anuncia candidatos a melhor do mundo

Relação tem três campeões mundiais com a França

Neymar breaks silence to announce that he will stay at Paris Saint-Germain
Neymar breaks silence to announce that he will stay at Paris Saint-Germain (foto: ANSA)
14:00, 24 JulSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - A Fifa anunciou nesta terça-feira (24) a lista de jogadores que concorrem ao prêmio de melhor do mundo, sem a presença do atacante Neymar, que vem sendo bastante criticado por causa de seu desempenho na Copa do Mundo.

Encabeçada pelos favoritos Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, a relação tem 10 concorrentes e inclui Kylian Mbappé, campeão mundial com a França e companheiro de Neymar no Paris Saint-Germain. Além dele, a lista tem outros dois vencedores da Copa 2018: Antoine Griezmann (Atlético de Madrid) e Raphael Varane (Real Madrid).

Luka Modric (Real Madrid), melhor jogador do Mundial da Rússia, também concorre ao prêmio da Fifa, assim como Kevin De Bruyne (Manchester City) e Eden Hazard (Chelsea), da Bélgica, e Harry Kane (Tottenham), da Inglaterra, semifinalistas da Copa.

Completa a relação o atacante egípcio Mohamed Salah, do Liverpool. O prêmio compreende o período de 3 de julho de 2017 a 15 de julho de 2018 e será entregue em uma cerimônia no dia 24 de setembro, em Londres.

A votação será feita entre capitães e técnicos das seleções, jornalistas e torcedores - estes últimos por meio do site oficial da Fifa.

Outras categorias

Entre as mulheres, Marta (Orlando Pride) é a única brasileira candidata ao prêmio de melhor do mundo. Ela disputará com Lucy Bronze (Lyon), Pernille Harder (Wolfsburg), Ada Hegerberg (Lyon), Amandine Henry (Lyon), Sam Kerr (Chicago Red Star), Saki Kumagai (Lyon), Dzsenifer Marozsan (Lyon), Megan Rapinoe (Seattle Reign) e Wendie Renard (Lyon).

Na categoria de melhor técnico de futebol masculino, Tite ficou fora da lista, que conta com cinco treinadores que estiveram na Copa: Stanislav Cherchesov (Rússia), Zlatko Dalic (Croácia), Didier Deschamps (França), Roberto Martínez (Bélgica) e Gareth Southgate (Inglaterra).

Completam a lista: Massimiliano Allegri (Juventus), Pep Guardiola (Manchester City), Jurgen Klopp (Liverpool), Diego Simeone (Atlético de Madrid), Ernesto Valverde (Barcelona) e Zinédine Zidane (ex-Real Madrid).

No futebol feminino, concorrem quatro mulheres: Emma Hayes (Chelsea), Asako Takakura (Japão), Sarina Wiegman (Holanda) e Martina Voss-Tecklenburg (Alemanha). Vadão, treinador da seleção brasileira, também está na lista, assim como Stephan Lerch (Wolfsburg), Reynald Pedros (Lyon), Mark Parsons (Portland Thorns), Alen Stajcic (Austrália) e Jorge Vilda (Espanha). (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA