Veja os destaques da janela de transferências na Itália

Milan se reforçou com Paquetá e Piatek para o resto da temporada

Lucas Paquetá é apresentado como novo reforço do Milan
Lucas Paquetá é apresentado como novo reforço do Milan (foto: Divulgação)
21:07, 31 JanSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - A janela europeia de transferências se encerrou nesta quinta-feira (31), e os clubes italianos movimentaram o mercado com novas contratações para o restante da temporada 2018/19.

As equipes da Série A mais ativas nesta janela foram Cagliari, Parma e Spal. Juntos, os três clubes somam 18 novas aquisições no mercado. Por sua vez, a líder Juventus foi mais contida e apostou, mais uma vez, no veterano zagueiro Martín Cáceres, emprestado pela Lazio.

Com as chegadas do meia brasileiro Lucas Paquetá, do Flamengo, e do atacante polonês Krzysztof Piatek, do Genoa, o Milan foi o grande protagonista do mercado de inverno na Itália. Os dois jogadores, que já surgem como titulares, custaram ao time rossonero cerca de 70 milhões de euros no total.

O Milan também foi manchete com o argentino Gonzalo Higuaín. Após seis anos no país da bota, o atacante de 31 anos optou por deixar o futebol italiano para assinar com o Chelsea, da Inglaterra, em negociação tripla com a Juventus, dona dos direitos do jogador.

A Inter de Milão agitou o mercado ao contratar o lateral-direito Cédric Soares, do Southampton, que ficará no clube nerazzurro por empréstimo de seis meses, com opção de compra ao final do vínculo.

O atacante brasileiro Gabriel Barbosa, o "Gabigol", por sua vez, foi cedido por empréstimo ao Flamengo até o fim do ano. Já a Juventus, que lidera com folga a Série A, acertou a terceira passagem de Cáceres pelo clube e perdeu o meio-campista Stefano Sturaro, que retornou ao Genoa, e o marroquino Mehdi Benatia, anunciado pelo Al-Duhail, do Catar.

O Napoli, que ainda sonha em tirar o Scudetto da Juve, não contratou ninguém para seu elenco principal e emprestou os atacantes Carlos Vinícius e Amato Ciciretti a Monaco e Ascoli, respectivamente, além do meio-campista Marko Rog, que foi para o Sevilla.

Na capital, a Roma também apostou em jovens jogadores, como o atacante brasileiro Felipe Estrella, destaque na Copa São Paulo pela Ferroviária. Os time giallorosso emprestou o lateral-esquerdo Luca Pellegrini ao Cagliari. Já a Lazio não contratou nenhum jogador, mas cedeu Cáceres (Juventus), o meia Alessandro Murgia (Spal) e o atacante Joseph Minala (Salernitana).

Algoz da Juventus na Copa da Itália, a Atalanta contratou o zagueiro brasileiro Roger Ibañez, ex-Fluminense. No entanto a "Deusa" emprestou o meia Luca Valzania ao Frosinone e o atacante argentino Emiliano Rigoni para o Zenit.

A Fiorentina, que aplicou 7 a 1 na Roma pela Copa da Itália, garantiu o atacante Luis Muriel, do Sevilla. Por outro lado, deixaram a Viola Valentin Eysseric (Nantes), Cyril Théréau (Cagliari) e Kevin Diks (Empoli).

Outra equipe que faz uma boa Série A, a Sampdoria, contratou em definitivo o goleiro Emil Audero, por 20 milhões de euros, e o atacante Manolo Gabbiadini, ex-Southampton. O clube da cidade de Gênova, por outro lado, liberou o lateral brasileiro Dodô para o Cruzeiro e Vasco Regini para a Spal. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA