Milan informa Giampaolo sobre demissão e se aproxima de Pioli

Torcedores questionam possível chegada do ex-técnico da Inter

Milan informa Giampaolo sobre demissão e se aproxima de Pioli (foto: ANSA)
10:26, 08 OutMILÃO ZRS

(ANSA) - Após sete rodadas do Campeonato Italiano, o Milan já deverá promover uma mudança no seu comando técnico. Marco Giampaolo já teria sido notificado pela diretoria sobre sua demissão, que deverá ser concretizada nesta terça-feira (8), bem como a contratação de Stefano Pioli.

Em sete partidas no comando do Milan, Giampaolo possui apenas três vitórias e registra quatro derrotas. Os resultados ruins e a 13ª colocação no Campeonato Italiano fizeram o clube rossonero questionar sua permanência. A equipe lombarda possui nove pontos e está 10 de distância da líder Juventus.

De acordo com o jornal "Gazzetta dello Sport", Giampaolo já foi avisado sobre sua demissão e Pioli está muito próximo de ser confirmado como seu substituto. O ex-treinador da Fiorentina e da rival Inter de Milão deverá assinar um contrato válido até 2021 e receberá cerca de 1,5 milhão de euros. O comandante de 53 anos já é cogitado para dirigir nesta quarta-feira (9) o seu primeiro treinamento em Milanello.

A imprensa italiana afirma que Pioli era o plano B do Milan, já que o principal objetivo do clube lombardo era contratar Luciano Spalletti. No entanto, as negociações com o ex-treinador de Inter e Roma não foram para frente.

Com o objetivo de recuperar o bom futebol do Milan, Pioli está sem clube desde abril, quando pediu demissão da Fiorentina. O comandante é lembrado pelos bons trabalhos no Bologna e na Lazio, time onde foi vice-campeão da Copa da Itália de 2016. No entanto, o técnico de 53 anos teve uma fraca passagem pela Internazionale, sendo demitido em apenas cinco meses.

A torcida do Milan está insatisfeita com a possível chegada de Pioli e demonstrou isso nas redes sociais. A hashtag PioliOut (Fora Pioli) ganhou força no Twitter e foi um dos assuntos mais comentados na Itália. Anteriormente, o técnico confirmou em uma entrevista à "Sport Mediaset" que ele e toda sua família são interistas.

A possível demissão de Giampaolo chega em um momento mais calmo no Milan, já que o time encerrou o seu jejum de vitórias ao bater o Genoa por 2 a 1. O time rossonero irá encarar na próxima rodada o Lecce, que atualmente está em 18º.(ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA