Conmebol convoca reunião para discutir final da Libertadores

Entidade pretende mudar o local e a data da decisão

Conmebol convoca reunião para discutir final da Libertadores (foto: EPA)
13:48, 05 NovROMA ZRS

(ANSA) - A Conmebol convocou nesta terça-feira (5) uma reunião urgente em sua sede, em Assunção, para discutir a possível realocação da sede da final da Copa Libertadores da América, programada para acontecer no dia 23 de novembro, em Santiago, no Chile.

Os presidentes dos finalistas da competição (Flamengo e River Plate) e representantes das federações do Brasil (CBF), da Argentina (AFA) e do Chile (ANFP) foram chamados para a reunião.

Em decorrência da onda de protestos, o Chile já desistiu de sediar a Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec) e a Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2019 (COP-25).

Enfrentando uma crise social, o país é palco de uma série de protestos deflagrados após o anúncio do aumento de tarifas das passagens de metrô de Santiago. Apesar da medida ter sido revogada, as manifestações foram mantidas e já provocaram a morte de 20 pessoas.

A nova ministra dos Esportes do Chile, Cecilia Pérez, afirmou ao presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, a "firme vontade e compromisso" para receber a decisão da Libertadores.

"Se não há condições de segurança para retomar o campeonato [chileno] ainda não há condições para a final entre o Flamengo e o River", disse o prefeito de Santiago, Felipe Guevara.

A Conmebol, além de alterar o local da partida, também avalia a alteração da data. É cogitado que o jogo seja disputado no dia 30 de novembro em vez de 23.(ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA