CR7 se irrita ao ser substituído e recebe críticas

Atacante deixou o gramado furioso com o técnico Sarri

CR7 se irrita ao ser substituído e recebe críticas (foto: ANSA)
15:51, 11 NovTURIM ZRS

(ANSA) - O craque Cristiano Ronaldo foi substituído pela segunda partida consecutiva na vitória contra o Milan, neste domingo (10), no Allianz Stadium. A substituição aconteceu aos 10 minutos da etapa final e o português deixou o campo furioso com o técnico Maurizio Sarri.

Na ocasião, CR7 deu lugar ao argentino Paulo Dybala, que marcou o gol da vitória da Velha Senhora. Ao sair do gramado, o craque olhou feio para Sarri e foi direto para o vestiário. A atitude do português foi alvo de diversas críticas, como do técnico Fabio Capello.

"[Cristiano] é um grande campeão, ninguém discute isso, mas ele não driblou ninguém nos últimos três anos. No momento ele não está no seu melhor e é normal substituí-lo. Sarri não precisa ser corajoso ou mostrar sua personalidade para fazer essa mudança. Não é legal que ele não tenha se sentado no banco e discutido com Sarri. É preciso ser campeão mesmo quando é substituído, não apenas quando as coisas estão indo bem. Ele deve respeitar seus companheiros de equipe", declarou Capello, em entrevista à emissora "Sky Sports".

Em uma publicação nas redes sociais nesta segunda-feira (11), o atacante minimizou o ocorrido e apenas escreveu "partida difícil, vitória importante".

Após o duelo diante do Milan, Sarri revelou que CR7 teve um "problema no joelho" no último mês. Além disso, o comandante agradeceu Ronaldo pela sua atuação contra o time rossonero.

"Tenho de agradecer a Ronaldo, porque ele fez um sacrifício para estar aqui esta noite numa situação difícil. Ele fez tudo o que era possível para jogar, mas vi que ele não estava bem e tinha de sair. É perfeitamente normal que ele tenha saído irritado, no último mês, ele tem tido um problema no joelho, sofrido durante um treino e danificou o ligamento colateral", afirmou Sarri.

De acordo com fontes de dentro da Velha Senhora, CR7 não foi multado pelo clube por conta do caso. O jogador já está em Portugal para as partidas contra Lituânia e Luxemburgo, nos dias 14 e 17 de novembro, respectivamente, pelas Eliminatórias para a Eurocopa de 2020.(ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA