Jogadora de futebol brasileira pede ajuda para deixar China

Millene Fernandes fez apelo após epidemia de coronavírus

Ex-jogadora do Corinthians pede ajuda para deixar China
Ex-jogadora do Corinthians pede ajuda para deixar China (foto: Reprodução / Instagram)
20:27, 31 JanRIO DE JESUS ZCC

(ANSA) - A jogadora Millene Fernandes publicou um vídeo fazendo um apelo ao governo brasileiro para ajudá-la a deixar a cidade de Wuhan, na China, um dos locais mais afetados pelo novo coronavírus, que já matou 213 pessoas no país asiático.

A ex-atacante de 25 anos, que conquistou o título Paulista atuando pelo Corinthians, está confinada em seu apartamento desde que a epidemia ganhou força, em 20 de janeiro.

"Falando sobre essa situação a preocupação é muito grande.A gente não consegue presenciar muito pelo fato de não ter saído de casa por conta da segurança. Pretendo deixar a China pensando na questão da saúde e esperamos que o governo brasileiro possa ajudar", disse Millene no vídeo.

"O desejo é voltar ao Brasil, ficar perto da família e esperar que tudo passe o mais rápido possível", acrescentou.

A atleta brasileira chegou na China no dia 16 de janeiro, após deixar o clube paulista em dezembro. Na ocasião, Millene assinou contrato com o Wuhan Xinjiyuan.

"Tenho o desejo de jogar no futebol chinês, mas não sabemos os próximos passos. O campeonato já foi adiado mas ninguém sabe quando começa. O clube tem dado apoio e demonstrado preocupação, mas não podem fazer muito porque a situação é maior", afirmou.

A jogadora, que já foi convocada pela seleção brasileira, não tem expectativa de retornar ao seu país porque todos os aeroportos chineses estão fechados. Até o momento, o Brasil ainda não confirmou o envio de aviões fretados para trazer seus cidadãos de volta. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA