Ex-jogador italiano diz que Maradona o decepcionou em 1982

Claudio Gentile parou o ex-craque em um jogo do Mundial

Itália de Gentile venceu a Argentina no Mundial de 1982
Itália de Gentile venceu a Argentina no Mundial de 1982 (foto: EPA)
18:17, 25 NovROMA ZRS

(ANSA) - O ex-defensor Claudio Gentile revelou nesta quarta-feira (25) que o ex-craque Diego Maradona o decepcionou após o jogo entre Itália e Argentina na Copa do Mundo de 1982, na Espanha.

Segundo o italiano, Maradona não aceitou a derrota diante da Azzurra e rejeitou trocar camisa com ele.

"Eu parei o Maradona e ele não aceitou a derrota. Ele não queria dar a sua camisa para mim, isso não se faz em uma Copa. Ele me decepcionou. Maradona pensava ser a cereja do bolo da Argentina já campeã em 1978 e não esperava que seria parado por mim. Por causa disso nunca fomos amigos", disse Gentile em entrevista à ANSA.

Gentile, que afirmou que Zico deu sua camisa ao defensor italiano após a derrota do Brasil para a Azzurra, disse que Maradona o provocou durante o jogo.

"Ao longo da partida ele me provocou, até com palavrões. Ele disse em algumas entrevistas que eu o havia batido, mas é mentira. Nunca fui expulso na minha carreira por jogo sujo. Já Maradona sim, contra o Brasil por chutar a barriga de um adversário. Como jogador foi um dos melhores de todos os tempos, descanse em paz", relembrou Gentile.

Com passagens por Juventus e Fiorentina, Gentile foi um dos principais destaques do título da Itália na Copa do Mundo de 1982. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA