Jogos 2026 terão cerimônias no San Siro e na Arena de Verona

Provas acontecerão em várias cidades do norte do país

Arena de Verona recebe espetáculos até os dias de hoje
Arena de Verona recebe espetáculos até os dias de hoje (foto: Wikicommons)
15:04, 24 JunSÃO PAULO ZLR

(ANSA) - A Itália escolheu dois lugares icônicos para realizar as cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Inverno de 2026, que acontecerão em uma série de cidades do norte do país, capitaneadas por Milão e Cortina d'Ampezzo.

A festa de inauguração das Olimpíadas será no gramado do San Siro, um dos estádios mais lendários do futebol mundial e que hoje é casa da Inter de Milão e do Milan - os dois clubes têm um projeto para levantar uma nova arena ao lado do San Siro.

Já o encerramento será na Arena de Verona, o anfiteatro romano mais bem preservado da Itália e que ainda abriga espetáculos de ópera nos meses de verão. A arena foi construída no século 1 d.C. e é menor que o Coliseu de Roma, porém resistiu melhor à passagem do tempo.

Provas

Apesar de apenas Milão e Cortina d'Ampezzo, situadas a 400 quilômetros uma da outra, batizarem a candidatura olímpica italiana, diversas outras cidades do norte do país receberão provas em 2026.

Com custo estimado em 1,3 bilhão de euros, dos quais 400 milhões serão bancados pelo Comitê Olímpico Internacional (COI), a competição se espalhará por um polígono de 15 mil quilômetros quadrados no norte da Itália, englobando as regiões da Lombardia, do Vêneto e de Trentino-Alto Ádige.

A cidade de Milão deve receber provas indoor, como hóquei sobre o gelo, patinação artística e patinação de velocidade em pista curta. Já Cortina, conhecida como "Pérola das Dolomitas", realizará as competições de curling, bobsled, trenó, skeleton e esqui alpino feminino.

Livigno, no Valtellina, vale lombardo situado na fronteira com a Suíça, organizará as disputas de snowboard e esqui estilo livre, enquanto a vizinha Bormio fará o esqui alpino masculino.

Ainda no extremo-norte da Itália, a província autônoma de Bolzano receberá o biatlo, em Anterselva. O Val di Fiemme, na província autônoma de Trento, terá o esqui de fundo, em Tesero, e o salto com esqui, em Predazzo. A vizinha Baselga di Pinè fará a patinação de velocidade.

Com exceção de Milão e Verona, todas as sedes ficam nos Alpes italianos, a maioria delas na Cordilheira das Dolomitas, uma das regiões mais bonitas do país. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA