Obama elogia gestão e medidas econômicas de Letta

O presidente dos EUA disse ter certeza que a Itália está no "caminho certo" para sair da crise.

Premier italiano se reúne com Barack Obama na Casa Branca
Premier italiano se reúne com Barack Obama na Casa Branca (foto: EPA)
16:48, 17 OutWASHINGTON ZBF

(ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, elogiou as medidas econômicas adotadas pelo governo italiano, ao se reunir hoje (17) com o primeiro-ministro Enrico Letta, na Casa Branca.

"As reformas econômicas levadas adiante pela Itália são de grande ajuda para tirar o país da recessão", disse Obama, ressaltando que está "impressionadíssimo com a integridade e a liderança de Letta". Segundo Obama, "é claro que a Itália está se movendo na direção certa", com a adoção de reformas econômicas e de leis de estabilidade.

O presidente norte-americano também destacou que a Itália "é um parceiro excepcional" para os Estados Unidos, principalmente com sua "ajuda para combater o terrorismo" na Líbia e na Síria, e para a estabilização do Afeganistão.

A Itália atualmente é base para mais de 30 mil funcionários das Forças Armadas dos EUA, entre militares, civis e familiares de agentes. Obama qualificou a parceria como "crucial para a segurança" dos norte-americanos na região, "principalmente em tempos atuais, marcados pela instabilidade".

"A Europa é importante para nós, norte-americanos. Olhamos com grande interesse a União Europeia (UE), porque, se a Europa está bem, estamos bem também", disse Obama.

Por sua vez, Letta ressaltou que o acordo alcançado no Congresso dos EUA para a elevação do teto da dívida e o fim da paralisação federal não deixa de ser "positivo para a Itália" também.

O premier abordou ainda o tema dos naufrágios envolvendo imigrantes clandestinos no Mediterrâneo. Letta disse a Obama que os italianos "não querem que o Mediterrâneo seja o mar da morte".(ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en