Desabamento de prédio em Roma mata mãe e filha

Corpos das vítimas foram encontrados após seis horas de buscas

Bombeiros buscaram vítimas por mais de seis horas (foto: ANSA)
20:38, 28 DezROMA ZLR

(ANSA) - Após mais de seis horas de buscas, o Corpo de Bombeiros da Itália encontrou os corpos de uma mulher e de sua filha de nove anos que estavam desaparecidas após o desabamento de um edifício residencial de dois andares em Roma.

A mãe se chamava Debora e ensinava italiano em uma escola da cidade, enquanto a criança foi identificada como Aurora. No momento do incidente, o pai da menina e seu irmão mais velho estavam fora de casa. Já o irmão e a irmã de Debora estavam no prédio, mas foram resgatados com vida.

Situado no bairro de Acilia, na periferia sul de Roma, o edifício tinha quatro apartamentos, sendo que a mãe e a filha que morreram viviam no andar superior. A prefeita da cidade, Virginia Raggi, se encontrou com os familiares das vítimas e prometeu acompanhar o caso.

A Procuradoria de Roma já abriu um inquérito para investigar as causas do desabamento, mas a principal hipótese é de vazamento de gás. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA