Em novo recorde, cidade italiana tem sensação térmica de 54ºC

País enfrenta sétima grande onda de calor deste ano

Em novo recorde, cidade italiana tem sensação térmica de 54ºC (foto: ANSA)
14:03, 03 AgoROMA ZGT

(ANSA) - A forte onda de calor que atinge a Itália há cerca de uma semana causou mais um recorde nesta quinta-feira (3). A cidade de Grazzanise, na região da Campânia, registrou uma sensação térmica de 54º Celsius, informou a Aeronáutica.

Apesar dos termômetros marcarem "apenas" 34ºC, a alta umidade do ar causou uma intensa sensação de calor na comuna de quase sete mil habitantes.

Além de Grazzanise, outras localidades italianas bateram seus próprios recordes. Em Ferrara, na região da Emília-Romana, a sensação térmica foi de 50ºC (40ºC no termômetro), em Marina di Ginosa, na Púglia, foi de 49ºC (36º no termômetro) e em Guidonia Montecelio, na região de Lazio, foi de 48º C (40º C no termômetro).

O cálculo da sensação térmica leva em consideração, além da chamada "temperatura real", a umidade do ar e a intensidade do vento. Ela não é medida por um termômetro, mas sim através de uma combinação desses fatores.

Essa é a sétima onda intensa de calor na Itália em 2017, tendo o país registrado alguns dos meses mais quentes de sua história.

De acordo com as autoridades, a forte onda de calor deve durar, ao menos, até o dia 5 de agosto. Quase 30 cidades, incluindo Roma e Milão, estão em alerta vermelho por conta das altas temperaturas.

Há dois dias, a região da Sardenha registrou sensação térmica de 50ºC em diversas cidades. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA