Bomba da 2ª Guerra é acionada e evacua 23 mil na Itália

Explosivo foi encontrado na cidade de Fano, centro do país

Bomba da 2ª Guerra é acionada e evacua 23 mil na Itália (foto: Ansa)
12:48, 14 MarFANO ZLR

(ANSA) - Cerca de 23 mil pessoas foram evacuadas na cidade de Fano, no centro da Itália, nesta terça-feira (13), após uma empresa ter encontrado uma bomba da Segunda Guerra Mundial em um canteiro de obras.

As autoridades locais determinaram a remoção de todas as pessoas que estavam em um raio de 1,8 quilômetro a partir do local onde foi achado o artefato, que tem 225 quilos e fabricação inglesa. A medida foi tomada após o acionamento acidental da bomba, que pode explodir em um período de seis a 144 horas.

O incidente também causou o fechamento da estação ferroviária, do porto e do aeroporto de Fano, a evacuação de um hospital e a interdição do espaço aéreo da cidade. Agora os esquadrões antibomba da Marinha e do Exército correm contra o tempo para detonar o explosivo em um lugar seguro.

O artefato não pode ser desarmado, já que tem um dispositivo antirremoção. Por conta disso, ele terá de ser arrastado com um cabo até o mar - uma distância de seis metros - e levado o mais longe possível da costa, antes de ser explodido.

A bomba foi encontrada ainda pela manhã, durante trabalhos de instalação de vertedouros pela Aset, empresa que administra o abastecimento de água na cidade, mas o alarme de evacuação só foi acionado às 21h (horário local).

A operação para esvaziar a área envolve cerca de mil soldados, encarregados de visitar casa por casa na zona interditada. Durante a noite, filas de carros e ônibus se formaram pela cidade, que tem 60 mil habitantes, mas a evacuação foi feita sob um clima de ordem. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA