Jovem jornalista italiano está entre vítimas de Estrasburgo

Jovem de 29 anos foi ferido com tiro na cabeça e está em coma

Jovem jornalista italiano está entre vítimas de Estrasburgo
Jovem jornalista italiano está entre vítimas de Estrasburgo (foto: EPA)
14:10, 12 DezESTRASBURGO ZBF

(ANSA) - O atentado terrorista contra um mercado de natal no centro de Estrasburgo, na França, na noite de ontem (11), deixou três mortos e 13 feridos, com ao menos seis deles em estado grave.

Duas vítimas morreram no local, e uma terceira teve morte cerebral. Entre os feridos, há dois jornalistas: o italiano Antonio Megalizzi, de 29 anos, que trabalhava para a emissora de rádio Europhonica, e outro funcionário da mesma empresa, cuja identidade ainda não foi revelada.

"Ficamos sabendo que um outro membro da equipe, que atuava no serviço de notícias em francês e morava em Estrasburgo, também está igualmente ferido. Ambos estão hospitalizados", informou a emissora pelo Twitter.

O sogro do jornalista italiano, Danilo Moresco, pai da namorada Luana, contou que Megalizzi foi atingido com um tiro na cabeça.

"Do que sabemos é que Antonio está em coma, o que impede que seja operado para retirar o projétil, que está em uma posição complicada e chegou à base do crânio, perto da espinha dorsal", contou o sogro.

 Megalizzi, originário de Trentino Alto Adige, tinha sido enviado a Estrasburgo para cobrir sessões do Parlamento Europeu. Ele faz parte de um projeto que coloca universitários dentro da redação da emissora Europhonica.

O sindicato dos jornalistas de Trentino Alto Adige e a Federação Nacional de Imprensa Italiana demostraram solidariedade ao jovem e lamentaram o atentado. A Promotoria de Roma abriu um inquérito sobre o ferimento de Antonio Megalizzi, conduzido pelo promotor-adjunto de antiterrorismo, Francesco Caporale. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en