'Coletes amarelos' farão ato durante Festival de Sanremo

Protesto revela divisão dentro do movimento francês

Antonello Venditti no palco do Teatro Ariston, em Sanremo
Antonello Venditti no palco do Teatro Ariston, em Sanremo (foto: ANSA)
19:55, 07 FevPARIS ZLR

(ANSA) - Maxime Nicolle, um dos principais líderes do movimento dos "coletes amarelos", anunciou uma manifestação para esta sexta-feira (8), em Sanremo, cidade que recebe nesta semana o principal concurso musical da Itália.

Segundo ele, o objetivo é mostrar ao governo italiano que Christophe Chalençon, que se reuniu com o vice-primeiro-ministro Luigi Di Maio, não representa o movimento francês. "Queremos fazer valer nossas reivindicações e mostrar ao governo italiano quem são os verdadeiros coletes amarelos", disse Nicolle.

Chalençon é porta-voz de Ingrid Levavasseur, que encabeça uma lista de candidatos para as eleições para o Parlamento Europeu do próximo mês de meio, inspirada nos protestos populares contra o presidente Emmanuel Macron.

Diversas lideranças dos "coletes amarelos", no entanto, se professam "apolíticas" e criticam o uso do movimento para conseguir votos. "Di Maio errou os interlocutores", acrescentou Nicolle. A reunião do vice-premier com Chalençon abriu uma crise diplomática com a França, que chamou seu embaixador em Roma para consultas.

Segundo Nicolle, a manifestação desta sexta será "absolutamente pacífica" e contará com franceses e italianos. "Não temos qualquer intenção de entrar no Teatro Ariston", disse, em referência à casa de espetáculos que sedia o Festival de Sanremo. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA