Berlusconi encerra guerra judicial com ex sobre pensão

Tanto o ex-premier quanto Veronica Lario abriram mão de valores

Berlusconi foi casado com Veronica Lario por 20 anos
Berlusconi foi casado com Veronica Lario por 20 anos (foto: ANSA)
12:45, 06 FevMILÃO ZLR

(ANSA) - Após uma longa batalha judicial, o ex-primeiro-ministro da Itália Silvio Berlusconi, 83, chegou a um acordo com sua ex-esposa Veronica Lario, 63, sobre a pensão paga a ela.

O pacto foi ratificado pelo Tribunal de Monza e prevê que o ex-chefe de governo abra mão dos 46 milhões de euros que Lario deveria lhe restituir com base em uma sentença da Suprema Corte, que considerou ilegítima a pensão mensal de 1,4 milhão de euros paga pelo político desde março de 2014.

Já Lario renunciou a outros 18 milhões de euros que teria a receber de Berlusconi. Os dois travavam uma guerra na Justiça por conta desses valores, com uma série de penhoras contra ambos os lados. Ainda com base no acordo, Berlusconi dará uma quantia única (que não foi revelada) à sua ex-esposa, que pagará parte das despesas legais.

Lario e Berlusconi foram casados entre 1990 e 2010, quando ela pediu divórcio após ter descoberto que seu então marido havia ido ao aniversário de uma jovem de 18 anos, Noemi Letizia. Na época, a ex-mulher do político disse que esse fato foi a "gota d'água" para a separação.

O casal teve três filhos: Barbara, Eleonora e Luigi. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA