Itália oferecerá 500 euros para pessoas comprarem bicicletas

Auxílio será válido até o final do ano de 2020

Auxílio ajudará apenas moradores de cidades com mais de 50 mil habitantes
Auxílio ajudará apenas moradores de cidades com mais de 50 mil habitantes (foto: ANSA)
18:53, 14 MaiROMA ZRS

(ANSA) - A Itália aprovou um projeto que concede bônus de até 500 euros (cerca de R$ 3,1 mil) para ajudar os moradores de cidades com mais de 50 mil habitantes a comprarem uma bicicleta.

A medida está prevista no decreto-lei aprovado pelo Conselho de Ministros para incentivar a retomada econômica do país, em meio à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). Além disso, o projeto também incentiva o uso de veículos não poluentes.

O auxílio será válido até o final de 2020 e poderá ser utilizado por moradores de cidades com mais de 50 mil habitantes. A quantia também vai ajudar os italianos a comprarem outros tipos veículos sustentáveis, como patinetes elétricos, hoverboards e segways.

Em um comunicado, o governo da Itália afirmou que é um modo de "incentivar as formas alternativas de mobilidade sustentável ao transporte público".(ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA