Itália tem menor número de contágios desde o início de março

Foram 300 novas infecções, uma alta de 0,1% em 24 horas

Itália teve menor número de contágios desde o início de março
Itália teve menor número de contágios desde o início de março (foto: ANSA)
13:51, 25 MaiROMA ZGT

(ANSA) - A Itália registrou nesta segunda-feira (25) o menor número de contágios pelo novo coronavírus desde o dia 2 de março: foram 300 novos casos, alta de 0,1% em 24 horas, informou a Defesa Civil.

Naquele dia, quatro dias após o órgão começar a dar boletins diários da pandemia, foram registradas 342 contaminações. Ao todo, o país contabiliza 230.158 infecções desde o fim de fevereiro.

De acordo com os números de hoje, quase metade dos contágios (148) ocorreu na região da Lombardia, a mais afetada pela crise sanitária no país. Já as regiões da Úmbria, Calábria, Molise, Basilicata e a província autônoma de Bolzano não registraram nenhum novo caso nas últimas 24 horas.

O número de vítimas voltou a aumentar, com 92 óbitos, e o total de falecimentos pela Covid-19 chegou a 32.877. A Lombardia, que não divulgou os números no domingo (24), informou que foram 34 mortes em um dia e não adicionou os dados faltantes.

Pouco depois do anúncio da Defesa Civil, no entanto, o governo regional confirmou que não foram registradas mortes no domingo pela pandemia pela primeira vez desde fevereiro.

 

Já os casos ativos - uma estatística que desconta o número de mortes e de pessoas curadas - teve uma redução de 1.294 registros, totalizando 55.300. Destes, 541 estão em unidades de terapia intensiva, 8.185 estão internados em hospitais e centros médicos e 46.574 estão em isolamento domiciliar.

A Defesa Civil ainda anunciou que 1.502 pessoas foram declaradas curadas do novo coronavírus, totalizando 141.981 curas. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA