Biden liga para Conte e expressa desejo de reforçar relações com Itália

Presidente eleito dos EUA está realizando uma série de ligações

Presidente eleito dos EUA está realizando uma série de ligações
Presidente eleito dos EUA está realizando uma série de ligações (foto: ANSA)
19:26, 13 NovROMA ZCC

(ANSA) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, conversou na noite desta sexta-feira (13) com o primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, e expressou seu desejo de reforçar as relações entre as duas nações, informou o Palazzo Chigi.

Durante o telefonema, Conte reiterou suas felicitações pela vitória do democrata e de sua vice-presidente eleita, Kamala Harris, nas eleições americanas de 3 de novembro.

Segundo o governo italiano, os dois líderes destacaram "os tradicionais e profundos laços de amizade e aliança entre os países", além de reafirmarem a vontade forte de colaborar diante dos grandes desafios globais, principalmente os quais a Itália e os Estados Unidos compartilham as mesmas prioridades.

Em comunicado, a equipe de Biden informou que o democrata agradeceu os votos expressados pelo premiê italiano e ressaltou seu "compromisso de estreitar as relações transatlânticas, também através da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e da União Europeia (UE).

O rival de Donald Trump também se dispôs "a cooperar em uma série de interesses comuns, incluindo a contenção da Covid-19 e a melhoria da segurança sanitária global, buscando uma recuperação econômica sustentável e enfrentando a ameaça das mudanças climáticas".

Por fim, o presidente eleito americano ainda disse que "está ansioso" para trabalhar junto com Conte durante "a presidência italiana do G20 no próximo ano".

A conversa com o premiê da Itália faz parte de uma série de contatos com líderes estrangeiros que Biden tem feito depois que venceu as eleições presidenciais dos EUA. Ontem, inclusive, sua vitória foi reconhecida pelo papa Francisco durante uma ligação.  (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA