Gênova autoriza funcionários a levarem cães ao trabalho

A medida vale para os servidores da Assessoria de Cultura

Assessora de Cultura de Gênova com seu cachorro em seu trabalho
Assessora de Cultura de Gênova com seu cachorro em seu trabalho (foto: Ansa)
10:27, 16 JanROMA ZBF

(ANSA) - A Prefeitura de Gênova, na Itália, aprovou uma medida que permite que funcionários públicos da Secretaria de Cultura levem seus animais de estimação para o trabalho. A informação foi divulgada pela assessora de Cultura da cidade italiana, Elisa Serafini, e já está em vigor. A partir de agora, os animais de estimação poderão acompanhar os seus donos no Palácio Ducale durante todo o horário de expediente.

A própria assessora levará seu cachorro, Benji, todos os dias ao escritório. "Levar o cachorro ao trabalho melhora o clima entre os colegas e estimula os companheiros a não correrem para casa e levarem o cachorro para passear", disse Serafini.

A condição porém, é clara: os mascotes não podem causar problemas. Se algum empregado tiver reação alérgica ao animal, ou medo, os cachorros não estão mais autorizados a entrar.

Para Serafini, "a medida torna mais simples a vida de quem adota um cachorro ou outros animais e, em geral, levará a uma maior motivação para a adoção" Em Gênova, as pessoas também podem portar levar seus pets a museus e ao Palazzi dei Rolli. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA