Napolitano pede esclarecimento de queda de avião

Boeing da Malaysia Airlines caiu no leste da Ucrânia

O presidente da Itália, Giorgio Napolitano, enviou condolências para as famílias das vítimas da tragédia
O presidente da Itália, Giorgio Napolitano, enviou condolências para as famílias das vítimas da tragédia (foto: ANSA)
14:34, 18 JulROMA ZLR

(ANSA) - O presidente da Itália, Giorgio Napolitano, disse nesta sexta-feira (18) que espera um "convicto, leal e transparente esforço de colaboração" para esclarecer as causas da queda de um Boeing 777 da Malaysia Airlines no leste da Ucrânia, ocorrida ontem (17).
    "Recebi com consternação e profunda dor a notícia do trágico desastre que aconteceu nos céus ucranianos, determinando a perda de tantas vidas humanas inocentes. Neste momento de luto, em nome de todo o povo italiano, ofereço às famílias das vítimas a expressão da mais sincera condolência", declarou o chefe de Estado.
    A aeronave da companhia malaia fazia o voo MH17, entre Amsterdã e Kuala Lumpur, e caiu no vilarejo de Grabovo, no leste da Ucrânia, perto da fronteira com a Rússia. Todos os seus 298 ocupantes (283 passageiros e 15 tripulantes) morreram. Suspeita-se que o avião tenha sido abatido por um míssil de origem ainda desconhecida. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA