Presidente alemão cobra partidos para 'formar um governo'

Apelo tenta manter estabilidade após fracasso em negociações

Presidente alemão cobra partidos para 'formar um governo' (foto: EPA)
13:06, 20 NovBERLIM ZGT

(ANSA) - O presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, fez um apelo para que todos os partidos no país "estejam disponíveis para o diálogo para formar um novo governo em tempo curto".

"Todos os partidos devem servir ao país. Quem se apresenta nas eleições para ter uma responsabilidade política não pode dar um passo atrás quando ela está em suas mãos", afirmou o mandatário, que destacou que essa responsabilidade "não pode ser simplesmente repassada aos eleitores".

Steinmeier pediu ainda que as siglas "repensem seus compromissos" após o fracasso nas negociações entre quatro legendas que formariam uma coalizão para dar apoio a Angela Merkel.

Em um pronunciamento surpresa na manhã desta segunda-feira, o líder dos liberais, Christian Lindner, anunciou que estava abandonando as negociações com Merkel.

Com isso, rumores no mundo político apontavam que o mandatário tentaria convencer Martin Schulz, líder do Partido Social-Democrata (SPD), de voltar a formar uma coalizão no governo.

No entanto, os social-democratas informaram que pretendem se manter na oposição.

"A preocupação na Europa seria grande se, justamente no país mais forte do ponto de vista econômico, as forças políticas não assumissem as suas próprias responsabilidades", acrescentou ainda Steinmeier. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA