Estátua de cera de Macron é 'reprovada' nas redes sociais

"Um horror" e "um fracasso total", escreveram internautas

Representação de cera do presidente Emmanuel Macron seria exposta no Museu Grévin
Representação de cera do presidente Emmanuel Macron seria exposta no Museu Grévin (foto: EPA)
17:58, 15 MaiPARIS ZLR

(ANSA) - A estátua de cera do presidente da França, Emmanuel Macron, que será instalada no Museu Grévin, em Paris, foi "rejeitada" nas redes sociais.

Comentários como "um horror", "fracasso total" e "não se parece nem um pouco" viralizaram na internet quando a imagem da representação de Macron foi divulgada, no domingo (13).

Em entrevista à rádio "France Info", o diretor do museu, Yves Delhommeau, explicou que a obra "não estava completamente finalizada quando fizeram o ensaio fotográfico".

No entanto, Delhommeau reconhece que o presidente de cera "tem um olhar fixo" e uma "expressão que não é ideal". Para ele, "o que se adequou melhor" ao mandatário foi a roupa.

Ele ainda considerou a possibilidade de corrigir a figura."Veremos se será possível refazê-la inteiramente", declarou. (ANSA)

Representação de cera do presidente Emmanuel Macron seria exposta no Museu Grévin 

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA