Trump propõe proteção a migrantes em troca de verba para muro

No entanto, ideia do republicano foi reprovada pelos democratas

Trump propõe proteção a migrantes em troca de verba para muro (foto: ANSA)
14:15, 20 JanNOVA YORK ZCC

(ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, propôs neste sábado (19) proteger temporariamente jovens migrantes ilegais conhecidos como "dreamers" em troca dos US$5,7 bilhões para financiar a construção do muro na fronteira com o México. A oferta do mandatário norte-americano tenta encerrar a paralisação parcial do governo que já dura mais de quatro semanas, sendo a mais longa da história. "Como candidato a presidência, prometi que resolveria esta crise e pretendo cumprir essa promessa de uma forma ou de outra", disse Trump em seu discurso na Casa Branca.
    No entanto, pouco depois do anúncio, os democratas, liderados pela presidente da Câmara de Representantes, Nacy Pelosi, rejeitaram o pedido.
    Em comunicado, Pelosi disse que a proposta indicou uma "compilação de várias iniciativas anteriormente rejeitadas, cada uma das quais é inaceitável e no total, não representa boa-fé".
    A legislação apoiada por Trump diz respeito a proteção por três anos dos dreamers, assim como uma extensão do mesmo prazo para portadores de status de proteção temporária (TPS, na sigla em inglês), que permite a 300 mil imigrantes trabalharem em visto de residência. No início de seu mandato, o magnata chegou a suspender o estatuto para diversos estrangeiros de vários países.
    "Nosso sistema de imigração deve ser uma fonte de orgulho, não uma fonte de vergonha", continuou Trump, pedindo aos políticos que "tirem suas armaduras" e encontrem soluções. O republicano ainda anunciou que estaria disposto a oferecer US$800 milhões para assistência humanitária, US$ 805 milhões para gastar em tecnologia de detecção de drogas, a contratação de pelo menos 2750 agentes para atuarem na fronteira e de mais 75 juízes de imigração para reduzir o número de pedidos de asilo em atraso. "As paredes não são imorais", enfatizou. "Um muro salvará muitas vidas e impedirá a entrada de drogas em nosso país", finalizou Trump. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA