Acordo do Brexit deve ser votado pela 4ª vez em 3 de junho

Anúncio foi feito pelo governo britânico nesta terça-feira (14)

Theresa May ainda tenta negociar uma saída para o Brexit com a oposição trabalhista
Theresa May ainda tenta negociar uma saída para o Brexit com a oposição trabalhista (foto: ANSA)
18:24, 14 MaiLONDRES ZLR

(ANSA) - A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, anunciou nesta terça-feira (14) que levará o acordo do Brexit ao Parlamento no próximo dia 3 de junho, quando o texto será submetido à sua quarta votação.

A decisão foi divulgada pelo governo após uma reunião entre May e o líder da oposição trabalhista, Jeremy Corbyn, em meio às negociações para dar fim ao impasse. Em nota, o gabinete da primeira-ministra diz que a conversa foi "construtiva e útil" e que as tratativas continuarão nos próximos dias.

O comunicado deixa entender que May e Corbyn ainda não entraram em acordo para aprovar o tratado do Brexit, que já foi rejeitado três vezes pelo Parlamento britânico, sempre com voto contrário do Partido Trabalhista.

Uma das exigências de Corbyn é manter o Reino Unido na união aduaneira europeia, hipótese que não está prevista no acordo inicial e que é criticada pela ala pró-Brexit do Partido Conservador. O prazo de 3 de junho também abre caminho para o país participar das eleições europeias, que acontecem de 23 a 26 de maio e renovarão o Parlamento do bloco.

Como o prazo inicial do Brexit era 29 de março, os britânicos não deveriam participar do pleito. O divórcio, no entanto, foi adiado para 31 de outubro devido às seguidas derrotas do acordo no Parlamento britânico e ao temor de um rompimento abrupto.

Se o tratado for aprovado, o Reino Unido terá um período de transição até o fim de 2020 para sair da União Europeia. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA